Coração
Independente
Vermelho

de Joana Vasconcelos,
no XXXVI Congresso Português de Cardiologia


Na sua 36ª edição, o CPC vai contar com a presença bem próxima de uma obra da artista JOANA VASCONCELOS

Coração Independente Vermelho

...a artista plástica de renome internacional, Joana Vasconcelos, estará presente no Grande Hotel dos Salgados, em simultâneo com a edição 2015 do CPC, através da instalação da peça "Coração Independente"...

Indiscutível é a mais-valia da presença de uma obra da Artista em simultânea exibição durante os dias do CPC. A presença de uma obra reconhecida por todos junto ao Palácio de Congressos do Algarve supera em muito o impacto estético que a mesma tem, quer junto dos Congressistas Portugueses, quer junto dos nossos convidados internacionais e institucionais.

A criação da Artista tem por base a "descontextualização e subversão de objectos pré-existentes e realidades do quotidiano"... com o objectivo de "materializar conceitos que desafiam as rotinas programadas do quotidiano"...
A obra Coração Independente Vermelho converte os vulgares talheres de plástico, por multiplicação e por abstração da sua forma original, numa valiosa peça de filigrana, "rompendo por si só a artificialidade das fronteiras convencionalmente traçadas entre o luxo e a banalidade, o artesanal e o industrial, a cultura popular e erudita, a tradição e a modernidade"...

É interessante o facto de se poder partilhar analogias entre a 36ª edição do CPC e a obra da artista, quer no modo de organizar o programa, quer nos seus conteúdos de discussão. É possível que também assim o constate quando descobrir as mesas redondas e conferências que tentam trazer à ribalta conceitos que desafiam as "nossas rotinas programadas do quotidiano". Na presente edição do CPC e numa linha que se enquadra na Inovação, propõe-se a discussão das nossas rotinas, assentes nos pilares que suportam o exercício da Cardiologia: a "arte" de ser médico; o doente no contexto moderno; a "evidência" que inova conceitos e pode renovar ideias do passado; os condicionantes e o valor da "evidência" no mundo em mudança.

Joana Vasconcelos fez-nos uma surpresa, honrando-nos com a exposição de uma das suas obras mais surpreendentes em simultâneo com a realização do Congresso Português de Cardiologia. Desta forma, e através da Fundação Joana Vasconcelos, a Artista une-se ao Coração da Ciência.

A Comissão Científica e Organizadora do
XXXVI Congresso Português de Cardiologia

voltar ao microsite

ver na cardioTV